Institucional



 

A Empresa

 

Meta Asset Management

A Meta Asset Management é uma empresa nacional, independente, constituída por profissionais com larga experiência no mercado financeiro, dedicada exclusivamente à gestão de recursos, aliada a um criterioso sistema de análise de riscos.

A Meta desenvolve suas atividades dentro dos mais elevados padrões de conduta ética, focando sua atuação exclusivamente na gestão de fundos de investimentos. A Meta mantém uma política de segregação de funções e responsabilidades em relação às atividades de custódia, cálculo de quotas e precificação de ativos, ficando estas a cargo de instituição financeira de renome e com vasta experiência global em administração de recursos.

Por ser uma empresa de gestão de recursos totalmente independente, a Meta não desenvolve nenhuma atividade que possa representar qualquer conflito de interesse com seus clientes.

A filosofia de investimentos é baseada na geração consistente de resultados com rigorosos controles de riscos, extrema disciplina operacional e total foco na preservação do capital de nossos clientes, com absoluta transparência em relação a cenários, estratégias e operações.

A META tem como foco clientes institucionais, pessoas físicas de alta renda e distribuidores, com produtos formatados para atender investidores com diferentes perfis de risco.

 

Cultura de Gerenciamento de Riscos

 

A Meta tem presente em todas as análises de investimentos a cultura do controle de riscos. É de suma importância para a empresa e seus executivos.

Riscos são inerentes a nossa atividade, portanto, o importante é saber dimensioná-los corretamente e reavaliá-los constantemente.

A Meta não busca retornos ordinários assumindo riscos assimétricos. A disciplina é um pilar de nossa filosofia de gestão, e pontos de stop táticos são definidos ao montar qualquer posição dos fundos, e utilizados quando o mercado oscila contra nossas posições. Estas saídas táticas são fundamentais para a composição da estratégia global dos fundos.

O dimensionamento correto das posições, e o gradualismo em sua montagem são de extrema importância para a Meta. É inadmissível acertar o cenário de médio prazo e ser forçado a zerar as posições por um dimensionamento inicial equivocado ao adicionar uma posição.

 

Filosofia de Investimentos

 

A filosofia de investimentos é baseada na geração consistente de resultados com rigoroso controle de riscos, disciplina operacional e foco absoluto na preservação do capital de nossos clientes.

Geração consistente de resultados 
Nosso objetivo é gerar retornos consistentemente superiores aos respectivos benchmarks de nossos fundos através da diferenciação pelo estudo, pela análise e pela disciplina.

Evitar assimetrias desfavoráveis 
Não entrar em operações onde a assimetria entre retorno e risco esteja contra a posição assumida.

Travessia e alavancagem 
Montar as posições de forma gradual e com alavancagem moderadamente crescente.

Liquidez 
Entrar em ativos líquidos para ter agilidade de entrar e sair sem impactar o preço dos ativos.

Disciplina operacional 
É de fundamental importância para a Meta saber a todo momento os riscos assumidos pelos fundos e se estes riscos estão de acordo com os mandatos solicitados aos clientes. Qualquer operação é feita à luz de pontos alvo de expectativa de retorno e stop loss bem definidos. A estipulação de pontos de stops táticos e os objetivos de cada uma das operações em estoque são discutidos diariamente e informados a área de riscos.

Preservação de capital 
A Meta não admite, sob hipótese alguma, o risco de perda excessiva. Por consequência, seguimos um rigoroso processo de gerenciamento de risco, e não assumimos risco de crédito exceto na compra de títulos públicos federais. O mais importante para a Meta é o cumprimento do mandato de risco mesmo sob cenários de stress.

 

Controle de Riscos

 

Os fundos geridos pela Meta estão sujeitos ao controle de risco do administrador, a Mellon Serviços Financeiros e também pelo sistema de risco da própria gestora.

Os fundos têm limites de exposição de VaR utilizando um intervalo de confiança de 95%, que serão monitorados e respeitados e regidos pelo Comitê de Risco. Atingidos estes limites, qualquer operação adicional implicará na redução de alguma operação em estoque.

A Meta tem ciência das limitações de qualquer modelo matemático e, portanto, analisa a variação da carteira em cenários com mudanças bruscas e desfavoráveis (análise de stress). É uma análise mais subjetiva, podendo ser baseada nos dados históricos mais otimistas e mais pessimistas, além de contemplar cenários extremos muitas vezes não observados anteriormente. A Meta atua com extrema cautela no tocante a validade de correlações históricas em momentos de stress.

Para operações de arbitragem a modelagem é realizada de forma conservadora já que, mesmo em tais operações, perdas significativas podem ocorrer em momentos de stress. O controle de risco de liquidez é realizado diariamente, e limites de exposição por estratégias e por ativos são definidos de acordo com parâmetros pré definidos, baseados na liquidez atual e histórica dos ativos, e na composição do passivo de cada fundo.